Seja Bem-Vindo ao Nosso Blog Deus Ainda Fala!!! Já Falou Com Deus Hoje? Já Ouviu a Sua Voz? Obrigado Pela Visita Volte Mais Vezes ao Nosso Blog!!! Deus o Abençoe Sempre Em Nome de Jesus e Saiba Que Uma Nova História Deus Tem Pra você e o Melhor de Deus Está Por Vir

te

Bem Vindos

LEIA A BÍBLIA

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

A LIÇÃO DO CACHORRO

Sendo um veterinário, fui chamado para examinar um cão de 13 anos de idade chamado Batuta.

A família esperava por um milagre.
Examinei Batuta e descobri que ele estava morrendo de câncer e que eu não poderia fazer nada...

Batuta foi cercado pela família. 
O menino, Pedro, parecia tão calmo, acariciando o cão pela última vez, e eu me perguntava se ele entendia o que estava acontecendo. 

Em poucos minutos, Batuta caiu pacificamente dormindo para nunca mais acordar.

O garotinho parecia aceitar sem dificuldade. 
Ouvi a mãe se perguntando.
Por que a vida dos cães é mais curta do que a dos seres humanos?...

Pedro disse: "Eu sei por quê."A explicação do menino mudou minha maneira de ver a vida. Ele disse: A gente vem ao mundo para aprender a viver uma boa vida, como amar aos outros o tempo todo e ser boa pessoa, né? Como os cães já nascem sabendo fazer tudo isso, eles não têm que viver por tanto tempo como nós.'' Entendeu?

O moral da história é:

Se um cão fosse seu professor, você aprenderia coisas como: 
Quando teus entes queridos chegarem em casa, sempre corra para cumprimentá-los.
Nunca deixe passar uma oportunidade de ir passear.
Permita que a experiência do ar fresco e do vento no seu rosto seja de puro êxtase!
Tire cochilos.
Alongue-se antes de se levantar.
Corra, salte e brinque diariamente.
Melhore a sua atenção e deixe as pessoas te tocarem.
Evite "morder" quando apenas um "rosnado" seria suficiente.

Em um clima muito quente, beba muita água e deite-se na sombra de uma árvore frondosa.
Quando você estiver feliz, dance movendo todo o seu corpo.
Delicie-se com a simples alegria de uma longa caminhada.
Seja fiel.
Nunca pretenda ser algo que não é.
Se o que você quer, está "enterrado"... cave até encontrar.
E nunca se esqueça: Quando alguém tiver num mal dia, fique em silêncio, sente-se próximo e suavemente faça-o sentir que você está ali...

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Pensamento do Dia 30/08/2017

A obediência a palavra de Deus, é uma forma de expressarmos nossa gratidão a Ele, que nos convida todos os dias, a amarmos ao próximo e perdoarmos a quem nos feriu.
Bina

Mãos calejadas

Certa vez, um rapaz se candidatou a um cargo importante em uma empresa multinacional. 

Ele foi aprovado nas primeiras etapas e estava bem perto de conseguir aquele emprego; faltava apenas passar por uma entrevista com o diretor responsável pela contratação. 

Durante o encontro, o executivo se surpreendeu com o currículo do jovem. Em seguida, lhe perguntou: Rapaz, você concluiu a faculdade com alguma bolsa de estudos? Ele respondeu: Não senhor, foi meu pai quem pagou por toda minha educação. 

O diretor, então, continuou o interrogatório: E o seu pai trabalha com quê? Meu pai trabalha como pedreiro. Disse o jovem. 

O executivo pediu ao rapaz que mostrasse suas mãos. E ele mostrou as suas mãos macias, sem nenhum calo ou cicatriz. 

Você nunca precisou ajudar o seu pai no trabalho? O candidato falou: Nunca, senhor. O desejo dos meus pais sempre foi que eu dedicasse o meu tempo estudando e lendo livros. 

Ao final da entrevista, o executivo fez um pedido ao rapaz: Quando você for para casa hoje, quero que lave as mãos do seu pai. Então, volte aqui amanhã bem cedo e peça para falar comigo. 

O rapaz não entendeu qual era a intenção daquele homem, mas sentiu que as chances dele conseguir o emprego eram muito boas. 

Quando chegou em casa, pediu ao pai para deixá-lo lavar suas mãos. Se sentindo estranho, mas feliz com aquele gesto, o pai perguntou enquanto estendia as mãos: Mas pra que isso agora, menino? E riu. 
Lentamente, o jovem lavou as mãos do seu pai e percebeu que elas estavam calejadas e cheias de cicatrizes. 

Foi a primeira vez que o jovem havia se dado conta do quanto seu velho pai tinha trabalhado para lhe educar. Depois daquele ato, o rapaz ficou em silêncio. 

Após o jantar, ele foi até a garagem, onde limpou as ferramentas de trabalho do pai. 
Naquela noite, os dois passaram horas e horas conversando. 

Na manhã seguinte, o filho foi se encontrar com o diretor da multinacional, que percebeu lágrimas nos olhos do moço quando ele perguntou: Meu jovem, você pode me contar o que fez e o que aprendeu ontem em sua casa? 

E o candidato à vaga respondeu: Lavei as mãos do meu pai, depois fui até a garagem e terminei de limpar e organizar as ferramentas de trabalho dele. 

Aprendi o que é valorizar, reconhecer o esforço de alguém. 
Se não fosse pelos meus pais, eu não estaria aqui sentado de frente ao senhor. 
Não teria a educação e as oportunidades que tenho. 

Ontem eu aprendi a valorizar a minha família e sobre a importância de ajudá-los. 
Satisfeito com a resposta, o executivo disse: É exatamente isso que eu procuro nos meus funcionários! 

Quero contratar pessoas que queiram ajudar os outros, que reconheçam o esforço e a dedicação do próximo; que não coloquem o dinheiro como único objetivo de vida. Você está contratado! 

Se você é pai ou pretende ser um dia, saiba que você pode dar ao seu filho uma casa confortável, comida boa, educação de primeira, o melhor celular e um vídeo game de última geração. Não há nada de errado nisso. 

Mas, quando você estiver lavando o banheiro ou levantando uma parede, faça ele experimentar isso também. 

Depois do almoço ou jantar, coloque ele para lavar pratos e talhares de toda a família. 
Faça com que ele seja responsável pela limpeza e organização de seu quarto. 
Não importa o quanto você conquistou nesta vida, use as pequenas atividades para mostrar ao seu filho como é importante valorizar o esforço das pessoas. 

"Filhos, obedeçam a seus pais no Senhor, pois isso é justo. "Honra teu pai e tua mãe", este é o primeiro mandamento com promessa: "para que tudo te corra bem e tenhas longa vida sobre a terra". Pais, não irritem seus filhos; antes criem-nos segundo a instrução e o conselho do Senhor" (Efésios 6:1-4).

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Pensamento do Dia 28/08/2017

Estarmos preparados é tudo que precisamos fazer, pois não sabemos o dia e hora que o Senhor Nosso Deus nos chamará pra presença Dele. E para estarmos com Ele precisamos estár buscando a santificação sem a qual jamais veremos o Senhor. 
Bina

O Valor de Uma Bíblia

Há muitos anos, em uma véspera de natal, um homem muito rico que não tinha mulher, filhos, nem qualquer outro familiar, decidiu presentear todos os empregados de sua mansão. 

Na hora do jantar, ele chamou os funcionários e pediu para que eles se assentassem à mesa. 

À frente de cada um havia uma Bíblia e uma pequena quantidade em dinheiro. 

Depois que todos se acomodaram, o homem perguntou: O que vocês preferem receber de presente de natal: esta Bíblia ou este valor em dinheiro? Não fiquem tímidos, vocês podem escolher o que quiserem. 

O primeiro empregado a se manifestar foi o zelador: Senhor, eu gostaria muito de receber a Bíblia, mas como não aprendi a ler, o dinheiro será mais útil para mim. 

O jardineiro foi o segundo a falar: Senhor, minha esposa está muito doente, e por esta razão eu tenho mais necessidade do dinheiro. Caso contrário, escolheria a Bíblia, com certeza! 

A terceira foi a cozinheira: Senhor, eu sei ler. Para falar a verdade, é uma das coisas que mais gosto de fazer. Porém, eu trabalho tanto que nunca consigo arranjar tempo nem para folhear uma revista, quanto mais ler a Bíblia. Por isso, vou aceitar o dinheiro. 

Por fim, chegou a vez do menino que cuidava dos animais da mansão. Como o senhor sabia que a família do garoto era muito pobre, ele se adiantou: É claro que você vai pegar o dinheiro, não é mesmo, rapaz!? Você pode comprar alimentos para fazer uma boa ceia de natal em sua casa, além de comprar uns sapatos novos. 

O menino, então, surpreendeu a todos com a sua resposta: Não seria nada mal comprar um peru e outras comidas saborosas para dividir com meus pais e meus irmãos neste natal. 

Eu também preciso de um par de sapatos novos, já que os meus estão muito velhos. Mas, mesmo assim, vou escolher a Bíblia. Sempre quis ter uma. Minha mãe me ensinou que a Palavra de Deus vale mais do que o ouro e é mais saborosa que um favo de mel. 

Ao receber a Bíblia, o menino imediatamente a folheou e encontrou dentro dela dois envelopes. 

No primeiro, havia um cheque com valor 10 vezes maior do que o dinheiro deixado pelo senhor em cima da mesa. 

Já no segundo, havia um documento que fazia daquele que escolheu a Bíblia, o herdeiro de toda a fortuna do homem rico! 

Diante da emoção do garoto e do espanto dos outros empregados, o senhor abriu uma das Bíblias e leu em voz alta para que todos ouvissem: "A lei do Senhor é perfeita, e revigora a alma. Os testemunhos do Senhor são dignos de confiança, e tornam sábios os inexperientes. Os preceitos do Senhor são justos, e dão alegria ao coração. Os mandamentos do Senhor são límpidos, e trazem luz aos olhos. O temor do Senhor é puro, e dura para sempre. As ordenanças do Senhor são verdadeiras, são todas elas justas. São mais desejáveis do que o ouro, do que muito ouro puro; são mais doces do que o mel, do que as gotas do favo" (Salmos 19: 7-10).

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Pensamento do Dia 21/08/2017

O sacrifício vivo o Senhor Jesus se entregou por nós, por isso a cada dia precisamos fazer morrer o velho homem que porventura exista em cada um de nós.
Bina

O Vestido Azul

Em um povoado muito pobre de uma cidade distante, morava uma garotinha muito bonita, mas sua mãe parecia não ter muito cuidado e a criança quase sempre andava suja. 
Além disso, suas roupas eram velhas e maltratadas. 

A garotinha estudava na primeira série da escola local e certo dia, seu professor ficou sensibilizado com a sua situação. 
Ele pensou: _ Como é que uma criança tão bonita quanto essa pode vir tão desarrumada para a escola? 

No final daquele mês, assim que recebeu o seu salário, o professor tomou uma decisão: foi até uma loja, comprou um vestido azul e deu de presente à menina. 
E ela ficou ainda mais linda naquele vestido! 

Ao ver a filha vestida daquele jeito, a mãe percebeu o quanto era ruim mandar a garota para a escola tão suja e despenteada. 

Assim, passou a dar banho nela todos os dias, pentear seus cabelos, cortar as unhas, escovar os dentes... 

Naquele mesmo final de semana, o pai da menina disse à esposa: Querida, você não acha vergonhoso que a nossa filhinha, sendo tão bela e arrumada, more em uma casa como esta, toda suja e caindo aos pedaços? 

Vamos combinar uma coisa: você cuida da faxina e eu, nas horas vagas, vou pintar as paredes, arrumar a cerca e dar um jeito no jardim. 

Passado algumas semanas, a casa da família da garotinha do vestido azul se destacava na vila! 

As flores que enchiam o jardim e a limpeza do quintal eram uma atração para todos que passavam ali. 

Diante disso, os vizinhos da menina ficaram constrangidos por morar em casas mal acabadas e feias e decidiram também pintar as fachadas, plantar árvores e flores... 

Em pouco tempo, toda a vila estava transformada; nem parecia a mesma de meses atrás. 

Então, um senhor muito influente na região percebeu a dedicação daquela comunidade e achou que ela merecia um auxílio das autoridades locais. 

Foi até o prefeito e contou a ele tudo o que estava acontecendo. 

O senhor saiu da prefeitura com uma autorização para formar uma comissão para avaliar quais eram as melhorias que aquela vila precisava. 

No final do mesmo ano, o chão de terra foi substituído por asfalto, o esgoto a céu aberto foi canalizado, as ruas receberam iluminação pública e até uma bela praça foi construída em frente à igreja. 

Vendo aquela vila tão bem cuidada e tão bela, quem poderia pensar que tudo aquilo começou com um vestido azul? 

O professor tinha apenas a intenção de ajudar a garotinha, mas acabou fazendo um bem muito maior: transformou a vida de uma população inteira! 

Quando nós fazemos o bem às pessoas, muitas vezes não percebemos a mudança que causamos. 

Você já ouviu falar da teoria "Efeito Borboleta"? 
No ano de 1963, um cientista chamado Edward L. analisou uma teoria que ficou conhecida como "Efeito Borboleta". 

Segundo ela, o bater das asas de uma simples borboleta poderia mudar o curso natural das coisas e talvez, até provocar um furacão do outro lado do mundo! 

Já imaginou isso? 
Por isso reflita: se até o movimento das asas de um inseto tão pequeno, pode, teoricamente, causar tamanhas consequências, será que conseguimos medir o que uma simples atitude nossa, pode influenciar na vida de uma pessoa? 

Talvez uma oração, uma palavra amiga, um telefonema, um sorriso, um aperto de mãos, uma lágrima nos olhos etc. 

Não importa o gesto. 
Devemos sempre acreditar que pequenas atitudes podem causar grandes transformações! 

A cada dia Deus nos dá novas chances de fazermos o bem para os outros. 

A Bíblia diz que "somos cooperadores de Deus" (1 Co 3:9). 
Ou seja, Ele quer nos usar para realizar Sua obra aqui na Terra. 

Deus não fará nada que esteja ao nosso alcance, mas Ele nos capacitará para fazermos a diferença neste mundo tão carente de amor!

Google+ Badge

RADIO AGRADECER


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...