Seja Bem-Vindo ao Nosso Blog Deus Ainda Fala!!! Já Falou Com Deus Hoje? Já Ouviu a Sua Voz? Obrigado Pela Visita Volte Mais Vezes ao Nosso Blog!!! Deus o Abençoe Sempre Em Nome de Jesus e Saiba Que Uma Nova História Deus Tem Pra você e o Melhor de Deus Está Por Vir

te

Bem Vindos

Rádio Keraz Gospel

LEIA A BÍBLIA

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Quem Sou Deixa Marca

Uma professora de Nova York decidiu honrar cada um de seus alunos que estavam por se graduar no colégio, falando-lhes da marca que cada um deles havia deixado. 

Chamou cada um dos estudantes à frente da classe, um a um. Primeiro, contou a cada um como haviam deixado marca na vida dela e na da turma. 

Logo presenteou cada um, com uma faixa azul, impressa com letras douradas, na qual se lia, “Quem sou deixa marca.” 

Por fim, a mestra decidiu fazer um projeto de aula para ver o impacto que o reconhecimento teria na comunidade. 

Deu a cada aluno mais três faixas azuis e lhes pediu que levassem adiante esta cerimônia de reconhecimento. 

E que deveriam acompanhar os resultados, ver quem premiou quem, e informar à turma no final de uma semana. 

Um dos alunos foi ver um jovem executivo de uma indústria próxima e o premiou por tê-lo ajudado com o planejamento de sua carreira. 

Deu-lhe uma faixa azul, e colou-a em sua camisa. 

Em seguida deu-lhe as duas faixas extras e lhe disse: “Estamos fazendo em aula um projeto de... ‘reconhecimento’, e gostaríamos que você encontrasse alguém a quem premiar e lhe desse uma faixa azul.” 

Mais tarde, nesse mesmo dia, o jovem executivo foi ver seu chefe que tinha reputação de ser uma pessoa amargurada, e lhe disse que o admirava profundamente por ser um gênio criativo. 

O chefe pareceu ficar muito surpreso. 

Então o jovem executivo lhe perguntou se ele aceitaria o presente da faixa azul e se lhe dava permissão de colocá-la em sua camisa. 

O chefe disse: “Bem…claro!” 

Então o jovem executivo pegou uma das faixas azuis e a colocou no casaco do chefe, bem sobre seu coração… …e oferecendo-lhe a última faixa, perguntou: “Poderia pegar esta faixa extra e passá-la a alguém mais a quem queira premiar?” 

“O estudante que me deu estas faixas está fazendo um projeto de aula, e queremos continuar esta cerimônia de reconhecimento para ver como vai afetar as pessoas.” 

Nessa noite, o chefe chegou em casa, sentou- se com seu filho de 14 anos, e lhe disse: “Hoje me aconteceu algo incrível!” “…estava no meu escritório e um de meus empregados veio e me disse que me admirava; então me deu uma faixa azul por me considerar um gênio criativo.” “Imagina! 

Ele pensa que eu sou um gênio criativo! 

Logo me pôs uma faixa azul que diz: ‘Quem sou deixa marca.’ “Deu-me uma faixa extra e me pediu que encontrasse alguém mais a quem premiar. 

Quando eu estava dirigindo para casa esta noite, comecei a pensar a quem poderia premiar com esta faixa, e pensei em ti. 

Quero premiar a ti. 

“Meus dias são muito agitados e quando venho para casa, não te dou muita atenção; grito contigo por não tirar boas notas e pela desordem em teu quarto…” 

“Por isso, esta noite, só quero sentar-me aqui e …bem… te dizer que és muito importante para mim.” 

Tu e tua mãe são as pessoas mais importantes em minha vida. 

És um grande garoto e te amo muito!” 

O garoto surpreendido começou a soluçar e a chorar, e não conseguia parar. 

Todo o seu corpo tremia. 

Olhou para seu pai e entre lágrimas lhe disse: “Papai, momentos atrás me sentei em meu quarto e escrevi uma carta para ti e para mamãe, explicando porque tinha tirado minha vida, e lhes pedia que me perdoassem.” 

Ia me suicidar esta noite depois de vocês terem dormido. 

Eu pensava que vocês não se importavam comigo. 

“A carta está lá em cima, mas não creio que eu vá precisar dela, depois de tudo o que conversamos.” 

Seu pai subiu ao segundo piso e encontrou a carta, sincera e cheia de angústia e dor. 

No dia seguinte, o chefe regressou ao trabalho totalmente modificado. 

Já não estava amargurado, e se empenhou em fazer todos os seus empregados saberem que cada um deles faz a diferença. 

Por outro lado, o jovem executivo ajudou muitos outros jovens a planejarem suas carreiras, inclusive o filho do chefe, e nunca se esqueceu de recordar-lhes que eles deixavam marcas em sua vida. 

Ainda mais, o jovem e seus companheiros de classe aprenderam uma lição muito valiosa. 

“Quem és, deixa marca”. Por favor, quero que saibas que tu és importante ou não terias recebido isto. 

Estou passando a faixa azul para ti. 

Quem és deixa marca! ` 

E o jovem rapaz e seus companheiros de classe aprenderam uma lição muito valiosa: Quem és deixa marca. 

Não tens nenhuma obrigação de enviar isto a alguém... 

Podes deletar ou passar adiante esta mensagem. 

Mas, se tens alguém que significa muito para ti, te recomendo que lhe envies a mensagem, ou indique este blog fazendo essa pessoa saber que para ti ela faz a diferença. 

Tu nunca saberás a diferença que um pouco de motivação pode fazer em uma pessoa. 

Que tenhas um dia maravilhoso e saibas que alguém hoje pensou em ti!
Pare e Pense
Colaboração; Deise Braz.

terça-feira, 29 de outubro de 2013

A Verdadeira Perfeição!

No Brooklyn, Nova Iorque, Chush é uma escola que se dedica ao ensino de crianças especiais. 

Algumas crianças ali permanecem por toda a vida escolar, enquanto outras podem ser encaminhadas para uma escola comum.. 

Num jantar beneficente de Chush, o pai de uma criança fez um discurso que nunca mais seria esquecido pelos que ali estavam presentes. 

Depois de elogiar a escola e seu dedicado pessoal, perguntou: - Onde está a perfeição no meu filho Pedro, se tudo o que DEUS faz é feito com perfeição? 

Meu filho não pode entender as coisas como outras crianças entendem. 

Meu filho não se pode lembrar de fatos e números como as outras crianças. 

Então, onde está a perfeição de Deus? 

Todos ficaram chocados com a pergunta e com o sofrimento daquele pai, mas ele continuou: - Acredito que quando Deus traz uma criança especial ao mundo, a perfeição que Ele busca está no modo como as pessoas reagem diante desta criança. 

- Uma tarde, Pedro e eu caminhávamos pelo parque onde alguns meninos que o conheciam, estavam jogando beisebol. 

Pedro perguntou-me: - Pai, você acha que eles me deixariam jogar? 

Eu sabia das limitações do meu filho e que a maioria dos meninos não o queria na equipe. 

Mas entendi que se Pedro pudesse jogar com eles, isto lhe daria uma confortável sensação de participação. 

Aproximei-me de um dos meninos no campo e perguntei-lhe se Pedro poderia jogar. O menino deu uma olhada ao redor, buscando a aprovação de seus companheiros de equipe e mesmo não conseguindo nenhuma aprovação, ele assumiu a responsabilidade e disse: - Nós estamos perdendo por seis rodadas e o jogo está na oitava. 

Acho que ele pode entrar na nossa equipe e tentaremos colocá-lo para bater até a nona rodada. 

Fiquei admirado quando Pedro abriu um grande sorriso ao ouvir a resposta do menino. 

Pediram então que ele calçasse a luva e fosse para o campo jogar. 

No final da oitava rodada, a equipe de Pedro marcou alguns pontos, mas ainda estava perdendo por três. 

No final da nona rodada, a equipe de Pedro marcou novamente e agora com dois fora e as bases com potencial para a rodada decisiva, Pedro foi escalado para continuar. 

Uma questão, porém, veio à minha mente: a equipe deixaria Pedro, de fato, rebater nesta circunstância e deitar fora à possibilidade de ganhar o jogo? 

Surpreendentemente, foi dado o bastão a Pedro. 

Todo o mundo sabia que isto seria quase impossível, porque ele nem mesmo sabia segurar o bastão. 

Porém, quando Pedro tomou posição, o lançador se moveu alguns passos para arremessar a bola de maneira que Pedro pudesse ao menos rebater. 

Foi feito o primeiro arremesso e Pedro balançou desajeitadamente e perdeu. 

Um dos companheiros da equipe de Pedro foi até ele e juntos seguraram o bastão e encararam o lançador. 

O lançador deu novamente alguns passos para lançar a bola suavemente para Pedro. 

Quando veio o lance, Pedro e o seu companheiro da equipe balançaram o bastão e juntos rebateram a lenta bola do lançador. 

O lançador apanhou a suave bola e poderia tê-la lançado facilmente ao primeiro homem da base, Pedro estaria fora e isso teria terminado o jogo. 

Ao invés disso, o lançador pegou a bola e lançou-a numa curva, longa e alta para o campo, distante do alcance do primeiro homem da base. 

Então todo o mundo começou a gritar: Pedro corre para a primeira base, corre para a primeira. 

Nunca na sua vida ele tinha corrido... mas saiu disparado para a linha de base, com os olhos arregalados e assustado. 

Até que ele alcançasse a primeira base, o jogador da direita teve a posse da bola. 

Ele poderia ter lançado a bola ao segundo homem da base, o que colocaria Pedro fora de jogo, pois ele ainda estava correndo. 

Mas o jogador entendeu quais eram as intenções do lançador, assim, lançou a bola alta e distante, acima da cabeça do terceiro homem da base. 

Todo o mundo gritou: - Corre para a segunda, Pedro, corre para a segunda base. 

Pedro correu para a segunda base, enquanto os jogadores à frente dele circulavam deliberadamente para a base principal. 

Quando Pedro alcançou a segunda base, a curta parada adversária colocou-o na direção de terceira base e todos gritaram: - Corre para a terceira. 

Ambas as equipes correram atrás dele gritando: - Pedro, corre para a base principal. 

Pedro correu para a base principal, pisou nela e todos os 18 meninos o ergueram nos ombros fazendo dele o herói, como se ele tivesse vencido o campeonato e ganho o jogo para a equipe dele. - Naquele dia, disse o pai, com lágrimas caindo sobre face, aqueles 18 meninos alcançaram a Perfeição de Deus. 

Eu nunca tinha visto um sorriso tão lindo no rosto do meu filho! 

O fato é verdadeiro e ao mesmo tempo causa-nos tanta estranheza! 

Mostre mais uma vez que está acima de qualquer tipo de discriminação e que ao enviar esta linda e verdadeira história, muitas vidas poderão ser alcançadas pela PERFEIÇÃO DE DEUS. 

Todos precisamos parar alguns momentos para pensar naquilo que é realmente importante na vida. 

A amizade e a solidariedade e o amor ao próximo jamais sairão de moda. 

Basta querermos!
Meditação
Colaboração; Vanessa Sil.

A Diferença

"Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, ainda haverá guerra." (Bob Marley) 

Simplesmente Fantástico , Parabéns TAM! 

Aconteceu na Tam, pessoal, é verídico !!! 

Uma mulher branca, de aproximadamente 50 anos, chegou ao seu lugar na classe econômica e viu que estava ao lado de um passageiro negro. 

Visivelmente perturbada, chamou a comissária de bordo. 

Qual o problema, senhora?', pergunta a comissária.. 

Não está vendo?' - respondeu a senhora - vocês me colocaram ao lado de um negro. 

Não posso ficar aqui. 

Você precisa me dar outra cadeira Por favor, acalme-se - disse a aeromoça - 'infelizmente, todos os lugares estão ocupados. 

Porém, vou ver se ainda temos algum disponível'. 

A comissária se afasta e volta alguns minutos depois. 

Senhora, como eu disse, não há nenhum outro lugar livre na classe econômica. 

Falei com o comandante e ele confirmou que não temos mais nenhum lugar na classe econômica. 

Temos apenas um lugar na primeira classe. 

E antes que a mulher fizesse algum comentário, a comissária continua: Veja, é incomum que a nossa companhia permita à um passageiro da classe econômica se assentar na primeira classe. 

Porém, tendo em vista as circunstâncias, o comandante pensa que seria escandaloso obrigar um passageiro a viajar ao lado de uma pessoa desagradável'. 

E, dirigindo-se ao senhor negro, a comissária prosseguiu: 'Portanto senhor, caso queira, por favor, pegue a sua bagagem de mão, pois reservamos para o senhor um lugar na primeira classe...' 

E todos os passageiros próximos, que, estupefatos assistiam à cena, começaram a aplaudir, alguns de pé. 

Se você é contra o racismo, envie esta mensagens aos seus amigos, mas não a delete sem ter mandado pelo menos a uma pessoa. 

O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons...
Pare Pense
Colaboração; Maria Maia.

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Claro Que Dá Para Sorrir Sempre

O sofrimento pode NÃO existir. 

Ele é algo que aprendemos a sentir dentro de uma situação que contraria a nossa vontade. 

A situação existe, mas sofrer dentro dela pode ser escolha nossa. 

Finanças: 

Se o dinheiro está "curto" ... 

Sorria! O sorriso atrai a prosperidade. 

Família: 

Se está havendo conflitos ... 

Sorria! 

O sorriso dissolve as energias pesadas. 

Trabalho: 

Se o progresso parece lento ..... 

Sorria! 

O sorriso abre portas para novas possibilidades. 

Amigos: 

Se alguns o desapontaram ... 

Sorria! O sorriso é um imã para novas amizades. 

Saúde: 

Se não está bem ..... 

Sorria! 

O sorriso fortalece as defesas do corpo. 

Idade: 

Se ela o preocupa ... 

Sorria! 

O sorriso emite a luz da jovialidade. 

Solidão: 

Se ela aparecer ... 

Sorria! 

O sorriso conquista boas companhias. 

Amor: 

Se você está sem nenhum ... 

Sorria! 

O sorriso nos torna mais atraentes. 

Há momentos na vida em que realmente não dá para sorrir. 

Nesses momentos sorria para Deus: Ele há de retribuir o seu sorriso!!!
Meditação
Colaboração; Lúcia Gomes.

Mulher Que Lê

Um casal sai de férias para um hotel-fazenda... 

O homem gosta de pescar e a mulher gosta de ler. 

Numa manhã, o marido volta de horas pescando e resolve tirar uma soneca. 

Apesar de não conhecer bem a lagoa, a mulher decide pegar o barco do marido e ler no lago. 

Ela navega um pouco, ancora e continua lendo seu livro. 

Chega um tenente da guarda ambiental do parque em seu barco, pára ao lado da mulher e fala: - Bom dia madame. 

O que está fazendo? 

- Lendo um livro, responde. (Pensando: será que não é óbvio?) 

- A senhora está em uma área restrita em que a pesca é proibida,informa. 

- Sinto muito tenente, mas não estou pescando, estou lendo. 

- Sim, mas, a senhora tem todo o equipamento de pesca. 

Pelo que sei a senhora pode começar a qualquer momento. 

Se não sair daí imediatamente, terei de multá-la e processá-la. 

- Se o senhor fizer isso terei que acusá-lo de assédio sexual. 

- Mas eu nem sequer a toquei! 

Diz o tenente da guarda ambiental. 

- É verdade, mas o senhor tem todo o equipamento. 

Pelo que sei, pode começar a qualquer momento! 

- Tenha um bom dia madame - diz ele e vai embora. 

Moral da história: Nunca discuta com uma mulher que lê, pois certamente, ela pensa!
Reflexão
Colaboração; Lúcia Aparecida.

A Oração Que Agrada a Deus

Em nós existe algo grandioso, que muitos não se dão conta. 

Como seres criados por Deus, trazemos em nossa composição um elemento precioso, a Sua essência. 

Lá no fundo do nosso coração existe uma sede que só Deus pode verdadeiramente saciar. 

Existe a saudade de um amor verdadeiro, uma busca por transcendência e eternidade, e o desejo de um mundo justo e pacífico. 

Isso tudo, muitas vezes denominamos de “vazio”, uma grande lacuna, que só Deus tem a capacidade de preencher. 

Quando entendemos que este lugar pertence ao Senhor, permitimos que Ele o preencha, não para nos tornarmos perfeitos, mas Nele, completos. 

Muitos se voltam para religiões para tentar escapar deste mundo cercado por crises, materialismo e incertezas, em busca de algum tipo de espiritualidade. 

Igrejas ficam lotadas, pessoas se envolvem com literaturas de auto-ajuda, enfim, cresce a cada dia o marketing religioso. 

Isso tudo devido à necessidade humana de buscar a Deus. 

Já não se ora como convém. 

As orações se resumem em petições sem fim. 

Não agradecemos, não nos arrependemos das nossas falhas diárias, mas sabemos pedir, como querendo que Deus promova apenas o nosso conforto. 

A oração é muito mais do que isso. 

É elevar a nossa alma a Deus, é estar diante do Pai em total contrição, com espírito quebrantado, nos sujeitando exclusivamente à Sua vontade e isso é “reverência”. 

Neste “movimento evangelizador” adotado por tantas igrejas e com diversas doutrinas, nesta nossa geração, vemos muitos “líderes”, que em nome da fé, banalizam o Evangelho de tal forma, que ensinam aos seus “fiéis”, não só a quererem o que está diante de seus desejos exclusivamente humanos, mas também a “determinarem” o que Deus deve fazer. 

Suas orações são intimações. 

Deus tem sido colocado no lugar de servo e não de Senhor. 

Deus é Infinito e Eterno, Soberano, Criador de todas as coisas, não podendo ser aprisionado racionalmente. 

Como devemos nos relacionar com Alguém incomparável e que tem todo o poder sobre os céus e a terra? 

O momento da oração é único e especial para um verdadeiro cristão. Orar é estar em conexão com Deus, em linha direta. Como orar, se Ele já sabe tudo de nós? 

O segredo da oração que agrada a Deus é estar diante Dele com temor, desejo e afeto, não temor que causa medo, mas que traz uma profunda reverência diante de Quem não conhecemos completamente, mas que sabemos que é Perfeito e isso sem esperar nada em troca. 

A oração é a poesia da nossa alma, é o derramamento do nosso ser que traz por herança a essência do Pai, pois a Ele pertencemos e por Ele nos movemos. 

A oração que agrada a Deus promove em nós, o preenchimento espiritual do qual precisamos e esse deve ser o nosso alimento diário. 

“Então, me invocareis, passareis a orar a mim, e eu vos ouvirei. Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração. Serei achado de vós, diz o Senhor, e farei mudar a vossa sorte...” (Jr 29:12-14). 

Senhor meu Deus, tem de mim misericórdia... me ensina a orar como convém... 

Sê comigo, pois sem Ti nada sou... preciso da Tua presença... me perdoa por minhas falhas e ações diárias, contrárias a Tua vontade... quebranta meu coração com o poder do Teu Amor. 

Me faz melhor a cada dia, conforme a Tua vontade, para que eu possa Te agradar... e que meu louvor chegue como cheiro suave às Tuas narinas. 

Quero ter total dependência de Ti, quero respirar e ansiar somente por Tua presença. 

Te agradeço por me amar, e por ter mandado o Teu Filho para me salvar. Fica comigo hoje e sempre, Te amo Deus!
Pare e Pense
Colaboração; Lúcia Gomes.

sábado, 26 de outubro de 2013

A Consciência de Sua Missão

Freqüentemente, eu me pergunto: “O que cada um de nós está fazendo neste planeta?” 

Se a vida for somente tentar aproveitar o máximo possível as horas e minutos, esse filme é bobo. 

Tenho certeza de que existe um sentido melhor em tudo o que vivemos. 

Para mim, nossa vinda ao planeta Terra tem basicamente dois motivos: Evoluir espiritualmente e aprender a amar melhor. 

Todos os nossos bens na verdade não são nossos. 

Somos apenas as nossas almas. 

E devemos aproveitar todas as oportunidades que a vida nos dá para nos aprimorarmos como pessoas. 

Portanto, lembre sempre que os seus fracassos são sempre os melhores professores e é nos momentos difíceis que as pessoas precisam encontrar uma razão para continuar em frente. 

As nossas ações, especialmente quando temos de nos superar, fazem de nós pessoas melhores. 

A nossa capacidade de resistir às tentações, aos desânimos para continuar o caminho é que nos torna pessoas especiais. 

Ninguém veio a essa vida com a missão de juntar dinheiro e comer do bom e do melhor. 

Ganhar dinheiro e alimentar-se faz parte da vida, mas não pode ser a razão da vida. 

Tenho certeza de que pessoas como Martin Luther King, Mahatma Ghandi, Nelson Mandela, Madre Tereza de Calcutá, Irmã Dulce, Betinho e tantas outras anônimas, que lutaram e lutam para melhorar a vida dos mais fracos e dos mais pobres, não estavam motivadas pela ideia de ganhar dinheiro. 

O que move essas pessoas generosas a trabalhar diariamente, a não desistir nunca? 

A resposta é uma só: a consciência de sua missão nesta vida. 

Quando você tem a consciência de que através do seu trabalho você está realizando sua missão, você desenvolve uma força extra, capaz de levá-lo ao cume da montanha mais alta do planeta. 

Infelizmente, muita gente se perde nesta viagem e distorce o sentido de sua existência pensando que acumular bens materiais é o objetivo da vida. 

E quando chega no final do caminho percebe que só vai poder levar daqui o bem que fez às pessoas. 

Se você tem estado angustiado sem motivo aparente está aí um aviso para parar e refletir sobre o seu estilo de vida. 

Escute a sua alma: ela tem a orientação sobre qual caminho seguir. 

Tudo na vida é um convite para o avanço e a conquista de valores na harmonia e na glória do bem. 

TENHA UMA SEMANA ABENÇOADA! 
Abraço com carinho!
Roberto Shinyashiki
Reflexão
Colaboração; Mara Maria.

Tocando o Céu Sem Braços

Jéssica nasceu sem braços, devido a uma rara enfermidade congênita. 

Como qualquer criança, não entendia porque não tinha braços como as demais pessoas. 

“Era difícil ser diferente.” 

Sem embargo, tomou parte em diversas atividades como ginástica, baile e canto para crianças, realizadas em grandes cenários. 

Quando era jovenzinha se enfadava, batendo os pés e gritando em suas birras por não ter braços; Não obstante, centrou toda sua energia na prática de esportes. 

Para Jéssica, o maior desafio por ter nascido sem braços, mais que a adversidade física, eram as constantes encaradas das pessoas. 

Porém tinha aprendido a ver o lado positivo dessas situações que me deram a oportunidade de utilizar esse canal de vibrações positivas e ser um exemplo de otimismo. 

“Eu me irritava muito quando as pessoas me olhavam caminhando pela rua ou pela maneira de comer com os pés. 

Seus pais foram seus modelos de conduta e seus pilares de apoio. 

"Minha mãe é meu modelo e sempre me diz que posso fazer qualquer coisa a que eu me propor. 

É difícil ser pai de um filho incapaz. 

Papai foi minha rocha durante os tempos difíceis e é quem formou a pessoa que eu sou atualmente. 

Meu pai não derramou uma lágrima quando nasci porque não me vê como uma vítima. 

Quando pela primeira vez aprendeu a dirigir um auto, foi graças ao uso de modificações especiais. 

Sem embargo, depois de ter aprendido bem, decidiu suprimir as modificações e agora é titular de uma permissão para dirigir sem restrições. 

Graduada em Psicologia pela Universidade do Arizona, ainda atrai olhares quando abastece seu carro nas bombas de gasolina. 

Ela pode escrever 25 palavras por minuto, secar o cabelo, e maquiar-se normalmente. 

Trocar as lentes de contacto como qualquer outra pessoa. 

Jéssica com 26 anos e 1,55 metros de altura, é a primeira mulher piloto na historia da aviação que pilota sem braços. 

Esta mulher, inspiradora e heroína para muitos, irradia felicidade e um grande senso de humor; no Dia das Mães em maio do ano passado, voou sozinha com um letreiro suspenso que acertadamente dizia: “Olha mamãe, sem mãos!" 

Quando ainda não voava, me dei conta de que meu temor era porque eu não sabia muito sobre isto. 

“Há um medo universal na gente, é o temor da insuficiência e da falta de fé em nós mesmos". 

Até a data, tinha contabilizado aproximadamente 130 horas de vôos sozinha. 

E afirma: o medo pode basear-se no desconhecimento. 

Graças a sua confiança, perseverança, preparação e ambição, Jéssica tem percorrido um longo caminho para converter-se em quem é hoje em dia. 

Além de ser uma oradora motivacional, ela também tem sido incentivadora na Rede Internacional de Crianças Amputadas nos últimos cinco anos. 

"Sei que será difícil ter uma família, mas sei que serei uma boa mãe.” 

Jéssica espera casar-se e ter filhos. 

E diz entre risos: difícil vai ser para o pretendente pedir minha “mão” a meus pais. 

“Não tenho braços, mas não é isso que determina até onde eu posso chegar". 

"Nosso temor mais profundo não é que sejamos insuficientes, é que sejamos poderosos além da medida". 

“o ser humano precisa ter momentos baixos na vida, para sentir, ainda mais fortes, os momentos emocionantes.” 

“Quanto maior for a dificuldade, maior será a gloria.” 

E a você, o que te faz falta para “tocar” o céu?
Pare e Pense.
Colaboração; Lúcia Aparecida.

Um Ser Espiritual

E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. 1 TESSALONICENSES 5.23 

Você é um espírito, tem uma alma e vive em um corpo.  

Com seu espírito, você tem contato com o mundo espiritual.  

Com seu corpo, você tem contato com o mundo físico.  

Com sua alma, você tem contato com o mundo intelectual.  

São esses os três âmbitos com que você tem contato. 

Não há outros.  

O homem é um ser espiritual que foi criado à imagem de Deus, que é Espírito (Gn 1.26; Jo 4.24).  

Sua fé será ajudada quando você pensar assim, porque a fé é do coração – do espírito, do homem interior. 

As expressões espírito do homem e coração do homem alternam-se na Bíblia inteira [segundo a versão inglesa]. 

A fé não é da cabeça, mas está ligada ao coração!
Devocional
Colaboração; Lúcia Gomes.

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Perdão

Um rapaz ia muito mal na escola. 

Suas notas e o comportamento eram uma decepção para seus pais que sonhavam em vê-lo formado e bem sucedido. 

Um belo dia, o bom pai lhe propôs um acordo: - Se você, meu filho, mudar o comportamento, se dedicar aos estudos e conseguir ser aprovado no vestibular de Medicina, lhe darei um carro de presente. 

Por causa do carro, o rapaz mudou da água para o vinho. 

Passou a estudar como nunca e ter um comportamento exemplar. 

O pai estava feliz, mas tinha uma preocupação. 

Sabia que a mudança do rapaz não era fruto de uma conversa sincera, mas apenas do interesse de obter um automóvel. 

Isso era ruim. 

O rapaz seguia seus estudos e aguardava o resultado dos seus esforços. 

Assim, o grande dia chegou. 

Fora aprovado no vestibular. 

Como havia prometido, o pai convidou a família e os amigos para uma festa de comemoração. 

O rapaz abriu emocionado o pacote. 

Para sua surpresa, o presente era uma Bíblia. 

O rapaz ficou visivelmente decepcionado e nada disse. 

A partir daquele dia, a distância e o silêncio separaram pai e filho. 

O jovem sentia-se traído e agora lutava por sua independência. 

Deixou a casa dos pais e foi morar no Campus Universitário. 

Raramente mandava notícias à família. 

O tempo foi passando e ele se formou, conseguiu um emprego num bom hospital e se esqueceu completamente do pai. 

Todas as tentativas do pai para reatar os laços foram em vão. 

Até que, num dia o velho, muito triste com a situação, não resistiu. 

Faleceu. 

No enterro, a mãe entregou ao filho a Bíblia, que tinha sido o último presente do pai. 

De volta à sua casa, o rapaz que nunca perdoara o pai, quando colocou a Bíblia numa estante, notou que havia um envelope dentro dela. 

Ao abri-lo, encontrou uma carta e um cheque. 

A carta dizia: "Meu filho, sei o quanto você deseja ter um carro. 

Eu prometi e aqui está o cheque para você, escolha aquele que mais lhe agradar. 

No entanto, fiz questão de lhe dar um presente ainda melhor, a Bíblia sagrada. 

Nela aprenderás o amor de Deus e a fazer o bem, não pelo prazer da recompensa, mas pela gratidão e pelo dever de consciência". 

Como é triste a vida dos que não sabem perdoar. Isto leva a erros terríveis e a um fim ainda pior. 

Antes que seja tarde, perdoe aquele a quem você pensa ter lhe feito mal. 

Talvez se olhar com cuidado, você irá ver que há também, um "cheque escondido" em todas as adversidades da vida. 

À todos os meus amigos, mando esse texto, para pedir perdão e que me perdoem por não ter muitas vezes, agido de acordo com a sanidade, inteligência e amor ao próximo que desde sempre me foram incutidos. 

Aproveitem esse texto, reflitam e mandem para todos os que acharem queridos.
Reflexão
Colaboração; Lúcia Gomes.

Google+ Badge

RADIO AGRADECER


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...