Seja Bem-Vindo ao Nosso Blog Deus Ainda Fala!!! Já Falou Com Deus Hoje? Já Ouviu a Sua Voz? Obrigado Pela Visita Volte Mais Vezes ao Nosso Blog!!! Deus o Abençoe Sempre Em Nome de Jesus e Saiba Que Uma Nova História Deus Tem Pra você e o Melhor de Deus Está Por Vir

te

Bem Vindos

LEIA A BÍBLIA

sábado, 9 de agosto de 2008

Reflexão do Dia

Tudo bem Filho, Todo Mundo Faz Isso
Johnny tinha seis anos de idade e estava em companhia do pai quando este foi flagrado em excesso de velocidade. O pai entregou ao guarda, junto à sua carteira de habilitação, uma nota de vinte dólares. “Está tudo bem, filho”, disse ele quando voltaram à estrada – “Todo Mundo Faz Isso”. Quando tinha oito anos, deixaram que ele assistisse a uma reunião de família dirigida pelo Tio George, sobre as maneiras mais seguras de sonegar imposto de renda. “Está tudo bem, garoto”, disse o tio. “Todo Mundo Faz Isso”. Aos nove anos, a mãe levou-o pela primeira vez ao teatro. O bilheteiro não conseguia arranjar lugares até que a mãe de Johnny lhe deu, por fora, cinco dólares. “Está tudo bem filho”, disse ela. “Todo Mundo Faz Isso”. Com doze anos, ele quebrou os óculos a caminho da escola. A tia Francine convenceu a companhia de seguro de que eles haviam sido roubados e recebeu uma indenização de setenta e cinco dólares. “Está tudo bem, garoto”, disse ela. “Todo Mundo Faz Isso”. Aos quinze anos, foi escolhido para jogar como lateral-direito no time de futebol da escola. Os treinadores lhe ensinaram como interceptar e, ao mesmo tempo, agarrar o adversário pela camisa, sem ser visto pelo juiz. “Tudo bem garoto”, disse o treinador. “Todo Mundo Faz Isso”. Aos dezesseis, arranjou seu primeiro emprego nas férias de verão, trabalhando num supermercado. Seu trabalho: por morangos maduros demais no fundo das caixas e os bons em cima, para ludibriar o freguês. “Tudo bem, garoto”, disse o gerente. “Todo Mundo Faz Isso”. Já com dezoito anos, Johnny e um vizinho candidataram-se a uma bolsa de estudos. Johnny era um estudante medíocre. O vizinho era um dos primeiros da classe, mas um fracasso como lateral-direito no time de futebol. Johnny ganhou a bolsa. “Está tudo bem, filho”. Disseram os pais. “Todo Mundo Faz Isso.”. Quando tinha dezenove anos, um colega mais adiantado lhe ofereceu por cinqüenta dólares, as questões que iam cair na prova. “Tudo bem, garoto”, disse ele. “Todo Mundo Faz Isso”. Johnny, flagrado colando, foi expulso da sala, e voltou para casa com um a tristeza profunda no seu coração. “Como foi que você pode fazer isso com sua mãe e comigo?” disse o pai. “Você nunca aprendeu essas coisas em casa”. O tio e a tia ficaram também chocados. Se há uma coisa que o mundo adulto não pode tolerar, é um garoto que cola nos exames... “Semeia uma ação e colherás um hábito; semeia um hábito e colherás um caráter; semeia um caráter e colherás um destino.”
Napoleon Hill
Colaboração; Paulo Fernando.

Nenhum comentário:

Google+ Badge

RADIO AGRADECER


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...